Cachoeiro de Itapemirim

Cachoeirense exibe corpão e é capa da revista Sexy deste mês

COMPARTILHE
475

Da capital secreta para todo o Brasil. A cachoeirense Micheline Cruz, 30 anos, é a estrela de capa da revista Sexy, deste mês. A bela venceu o concurso da internet “Musas de Verão”, que foi o tema da edição do mês de maio. Ela divide as páginas com Caroline Aguiar.

Primeira edição da Corrida de Santa Rita será neste domingo (19)

Para os amantes de esportes, uma boa opção é acompanhar, neste domingo (18), a...

Alunos da rede municipal vão iniciar curso preparatório para prova do Ifes

As aulas do Pré-Ifes começam no próximo sábado (18) para 220 estudantes das escolas...

Conheça a história de Ediane que venceu o câncer e se tornou mãe

A vida nem sempre segue o fluxo desejado. Em algumas ocasiões, somos surpreendidos com...

Com 30 anos completados ontem, hoje residindo em São Paulo, a estudante de designer de interiores disse que ama de paixão Cachoeiro de Itapemirim e costuma visitar a cidade uma vez a cada dois meses.

“Sou nascida e criada em Cachoeiro, terra que amo de paixão. Estudei no colégio Anacleto Ramos e saí de Cachoeiro em 2005, aos 18 anos. Morei em Vitória por três anos onde estudei relações internacionais na UVV. Me mudei para São Paulo, em 2008, e me formo em designer de interiores em novembro. Vou a Cachoeiro uma vez a cada dois meses visitar minha família”, disse Micheline.

Continua depois da publicidade

Em seus 1,60 m de altura, 55 cm de cintura e 86 cm de bustos, distribuídos em um corpo de 50 kg, a cachoeirense confessou que a maior dificuldade para realizar o ensaio não foi tirar a roupa em frente às câmeras e sim a chuva, o frio e o tempo instável em Riviera de São Lourenço, litoral paulista onde foi realizado o ensaio.

“Não fiquei inibida, pois antes desta capa eu já havia feito dois outros ensaios sensuais, então me senti mais relaxada. Já fui coelhinha da Playboy em abril de 2011 e participei de uma reportagem especial com Silvio Berlusconi”, detalha.

Adepta a pratica esportiva de lutas, a capa da Sexy contou que não precisou de dieta especial, nem intensificar os treinos na academia para posar para a revista e que recebeu a notícia de ter sido vencedora do concurso com surpresa. Atribui à genética o real segredo do corpo em forma. “Foi uma surpresa para mim. Não me considero um mulherão, mas, fiquei muito contente em ter ganhado. É ótimo levantar o ego aos 30 anos de idade. Creio que a genética ajuda muito em manter o corpo. Não faço academia, mas pratico krav magá e muay thai por indicação do meu sobrinho. Não gosto de musculação, sou adepta a luta e auto-defesa”, finaliza.

Publicidade