Esporte Nacional

Palmeiras e Vasco se classificam para a terceira fase da Copa SP de juniores

COMPARTILHE
36

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS – O Palmeiras passou por dificuldade, mas derrotou o Botafogo-PB por 2 a 0, nesta sexta-feira (12), e assegurou passagem para a terceira fase da Copa São Paulo de juniores.

Em uma partida na qual o Palmeiras dominou, mas demorou para confirmar a vitória, Gabriel Furtado chegou para definir e tratou de homenagear Felipe Melo. Aos 34min do segundo tempo, Yan cruzou na medida, e o meio-campista tocou de cabeça para o gol. Na comemoração, o jovem que já atuou entre os profissionais imitou um “pitbull” para celebrar o gol e a passagem de fase.

Antes do momento Felipe Melo de Gabriel Furtado em Taubaté, o Palmeiras já dominava as ações da partida e construía o resultado positivo. Depois de 0 a 0 na primeira etapa, a equipe alviverde tratou de encaminhar a vitória logo no início. Aos 7min, Fernando tocou para Yan, que, sem goleiro, abriu o marcador.

Publicidade

O resultado positivo obtido no segundo tempo justificou a postura superior do Palmeiras. A equipe alviverde dominou as ações no primeiro tempo, mas pecou muito nos arremates. O Botafogo, por outro lado, viu exposta as suas limitações diante de um adversário mais forte e só procurou administrar o jogo defensivamente.

A marcação dos paraibanos, muitas vezes, gerou reclamações por parte dos palmeirenses. Durante toda a partida, os jogadores questionaram a arbitragem em quatro momentos pela não-marcação de penalidades; dois deles (com Mailton e Léo Passos) ainda no primeiro tempo. A irritação acabou minimizada somente após a abertura do placar.

VASCO

O Vasco derrotou o São Bernardo por 2 a 1 e se classificou para a terceira fase da Copa São Paulo. A vaga veio após um susto. O Vasco saiu atrás no marcador logo no início de partida, mas achou rapidamente o empate e conseguiu se impor. Antes do intervalo, o time carioca virou o marcador e assegurou a vaga para a próxima etapa do torneio de base que abre o calendário do futebol nacional.

O São Bernardo abriu o placar logo aos 5min. Bruno Michel recebeu na área, girou e bateu firme para fazer 1 a 0. A festa do torcedor local presente no Estádio Baetão, localizado na cidade homônima ao time do ABC paulista, durou muito pouco, já que o Vasco cresceu e respondeu de maneira imediata.

Logo aos 6min, Marrony recebeu cruzamento de Robinho e tratou de igualar o marcador. O 1 a 1 tratou de soltar as duas equipes e evidenciar o equilíbrio do confronto. Tanto que, em um espaço de cinco minutos, tanto Vasco quanto São Bernardo criaram chances de assumirem a vantagem no duelo.

Quem mostrou maior competência neste sentido foi o time cruz-maltino. Aos 26min, Marrony invadiu a área e acabou derrubado. A arbitragem marcou pênalti, e Hugo Borges decretou a virada na cobrança.

A vantagem no placar permitiu ao Vasco explorar os espaços deixados por um São Bernardo mais aberto na segunda etapa. A equipe do ABC paulista, depois do início fulminante, não conseguiu se impor novamente e viu o visitante controlar aos poucos o ritmo da partida.

Publicidade