O prefeito de Iúna, Coronel Weliton Virgílio Pereira (PV), começou uma série de reuniões que pretende realizar com os servidores do município. A primeira foi realizada ontem, no Parque de Exposições, e contou com a presença, dos funcionários das secretarias de Obras, Agricultura e Interior, além de Transportes, e seus respectivos titulares. Também estavam presentes representantes do Sindicato dos Servidores Municipais de Iúna e Irupi (Sindispii).

Na verdade, a reunião também serviu para anunciar as mudanças na estrutura administrativa da prefeitura. Agora, as secretarias de Agricultura e de Interior serão uma só. “A Secretaria de Agricultura realizava as ações da porteira pra dentro da propriedade, enquanto a de Interior e Transporte, da porteira para fora, por isso, resolvemos unir Agricultura e Interior numa só”, explicou o prefeito.

Já Transporte ficará como uma pasta apenas, e será responsável por toda a frota do município. “Cada secretaria tem seus veículos e máquinas, mas quem irá controlar a frota e seu uso será o secretário de Transportes”, disse Coronel Weliton. “Queremos ordenar o uso dos veículos e a Secretaria de Transportes vai controlar a manutenção de veículos e máquinas, além do abastecimento de combustível”, explicou.

Quanto aos servidores, o prefeito passou tranquilidade diante de dúvidas sobre o futuro. “Estamos fazendo essa reunião para nos apresentarmos como companheiros de vocês e para dizer que ninguém vai prejudicar ninguém na administração”, afirmou. “Vamos estar juntos para cada um fazer a sua parte, porque não podemos aceitar que alguém receba sem trabalhar”, completou.

Coronel Weliton também disse que não é possível falar em concurso público, diante do índice da folha de pagamento quanto à arrecadação de Iúna. Diante disso, apontou que o município precisa de investimentos nas áreas de esportes, cultura, turismo, meio ambiente e agricultura, entre outros investimentos, visando a geração de emprego e renda. “Quero colocar o laboratório de análise de solos para funcionar e implantar uma Ceasa Regional”, destacou. “E eu não prometi emprego para ninguém”, complementou.

Segundo o prefeito, a administração está preocupada em fazer o que manda a legislação, quanto aos servidores, lembrando que “todo direito é decorrente de um dever”. “Temos quantidade suficiente de servidores para realizar os serviços que vão atender a população, mas também temos qualidade”, disse Coronel Weliton, que pediu o empenho de todos os servidores, para mudar a situação do município a qual, segundo ele, é de muita dificuldade.

 

loading...

Participe e comente